#91

A crise não permite que se façam em Lisboa grandes melhoramentos. Mas limpar a cidade e a câmara do pior que têm não custa muito dinheiro e até o poupa. […] Por exemplo, o topo do Parque Eduardo VII devia pura e simplesmente ser demolido: as duas colunas com coroas de louro que não significam nada, nem aludem a nada; o pénis de João Cutileiro (salvo seja), tão primitivo e desinteressante como ele mesmo; e a Penitenciária, sem qualquer interesse arquitectónico, que parece saída de uma Disneylândia do Cartaxo.

Vasco Pulido Valente, jornal Público

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s