#446

Ao primeiro Anuário de Poesia [que a Assírio & Alvim publicou em 1984] concorreram 918 autores, que enviaram 7200 poemas. […] O poeta e tradutor José Bento, júri dos anuários de 1984 e 1985, lembra-se da enorme quantidade de poemas que teve de ler e diz que ‘aparecia de tudo: das coisas mais convencionais, no estilo passarinhos ou fonte da aldeia, às coisas mais descabeladas, imitadas de Cesariny e de outros poetas’. […] ‘Cheguei a levar para casa sacos plásticos carregados de poemas, e não eram um ou dois’, lembra o poeta e ex-director do Instituto das Artes, Fernando Luís Sampaio. ‘No júri, já nos ríamos, perguntávamos uns aos outros: Quantos quilos de poemas já leste?’.

Luís Miguel Queirós, jornal Público

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s