#804

Reconhecer que ‘não se sabe’ pode trazer desconforto, mas também traz saúde interior e criatividade.

José Tolentino Mendonça, revista do expresso

Não há teorias finais – há, sim, coisas que vão funcionando até ver, e nem sempre tão bem como se gostaria, se as vamos esmiuçar melhor. […] No reino do faz-de-conta em que os físicos vivem tudo é possível. […] Tudo é possível, tudo pode é estar errado.

João Magueijo, físico, jornal Público

A inteligência é o contrário da sabedoria: é a dúvida. É saber quais são as coisas das quais se pode (e não apenas se deve) duvidar. A inteligência é saber receber de neurónios abertos o prazer de nunca poder saber ao certo. Quanto mais se vive e se pensa mais se vê que a estupidez se cola à certeza. Quando a certeza dá jeito, simplifica e elogia quem a tem (como acontece em todos os racismos): é um sinal infalível de vistas curtas, egoísmo e vaidade.

Miguel Esteves Cardoso, jornal Público

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s