#933

Os primeiros gregos com quem falei depois de cruzar a fronteira disseram que eu tinha de vir ao monte Athos. Nunca tinha ouvido falar de tal sítio. ‘É uma espécie de Vaticano. Um estado semi-autónomo da Grécia onde só há monges e mosteiros. A natureza está intocada há milhares de anos.’ A população do ferry surpreende-me. Há dois monges, mais dois pares de tipos que topo pela pinta que vêm na mesma situação que eu, mas a grande maioria é feita de trabalhadores das obras e homens a carregar mercadorias como cervejas e bolos. Da janela vou começando a ver mosteiros. Construções milenares que parecem saídas de ‘O Senhor dos Anéis’ ou do ‘Game of Thrones’. Era isso que eu esperava. Não esperava era que todos estivessem rodeados de guindastes, gruas e andaimes.

Miguel Afonso Carranca, jornal i

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s