#1379

A infelicidade faz o tempo passar mais devagar. Quando escrevi sobre o assunto tentei perceber se não existirá um mecanismo de defesa no nosso cérebro para nos obrigar a ser felizes de vez em quando; para pôdermos ter a sensação de que estamos a parar os ponteiros do relógio, de modo a não caminharmos tão precipitadamente para o momento final, em que teremos de morrer. Quando somos felizes ficamos mais perto desse momento.

Frederico Lourenço, professor universitário e escritor, revista do semanário Expresso

2 responses to “#1379

duty of response

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s