#1430

De cada vez que vou ao Porto, acontecem-me coisas estranhas. […] Para um escritor, no entanto, o absurdo não interrompe a vida. Pelo contrário. O absurdo e as suas diversas tonalidades de bizarria são o combustível que alimenta a linha de montagem da maior parte das produções literárias. […] Regressava da apresentação do meu livro de contos “da Família”, no Porto, quando, à entrada do hotel, um rapaz aproximadamente da minha idade e cujo ganha-pão é encaixar os carros no tetris confuso do estacionamento urbano disponível, se acerca de mim, numa educação inversamente proporcional ao seu aspecto andrajoso [e] olhando-me fixamente, pergunta-me: não achas que a esquizofrenia pode ser um acto de deus?

Valério Romão, Hoje Macau

5 responses to “#1430

    • 🙂 Valério Romão is a new portuguese writer but one of the most creative! I’m really happy he now writes some chronicles! thanks for commenting! regards PedroL

duty of response

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s