#1500

Pierre Bourdieu baptizou como doxósofos (um vocábulo formado por analogia com filósofos) uma classe específica de intelectuais. São aqueles que devem tudo aos media e às suas paralelas instituições culturais que se arrogam o poder de consagrar ‘figuras’ que eles próprios produzem e fazem prosperar. Ao contrário do antigo intelectual, o doxósofo não traz para o espaço público uma autoridade reconhecida em qualquer campo do saber, da ciência ou das artes: nasce e desenvolve-se na incubadora mediática. No jargon da redacção dos jornais, é a ‘prata da casa’, uma baixela para todo o serviço a que é preciso sempre puxar o brilho.

António Guerreiro, ípsilon

7 responses to “#1500

    • Basically he is criticizing those fake opinion leaders created by the media, that don’t exactly say what is important to say but only what is supposed to be said in order to create their own accepted space in that medium… I hope I made it lol PedroL

  1. Thank you. You did clarify that and I am also aware of “celebrities” who are only “famous” because they keep promoting themselves. Parallel idea.

duty of response

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s