#2037

Fernando Pessoa publicou ‘A Ode Triunfal’ no primeiro número de ‘Orpheu’, em Março de 1915. Como se sabe, a reacção mais ou menos generalizada da imprensa da época foi a de sugerir que os jovens autores que tinham lançado a revista constituíam um grupo de maluquinhos inofensivos. Um articulista d’A Capital sugere que ‘pertencem a uma categoria de indivíduos que a ciência definiu e classificou dentro dos manicómios, mas que podem sem maior perigo andar fora deles.’

[…]

No manual ‘Encontros’ [certificado em 2017], destinado à disciplina de português do 12º ano, o poema com 240 versos é transcrito praticamente na íntegra, à excepção de três versos que foram cortados por opção dos autores deste livro. […] Estes versos aparecem substituídos por linhas ponteadas, a mesma opção adoptada pela censura durante o Estado Novo.

Luís Miguel Queirós, jornal Público

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s