dj sessions #311

black midi – ducter

[Os black midi] vão buscar o nome ao género musical japonês que recorre a maquinaria, a partir de ficheiros midi – que optam por grafar sem maiúsculas. Compostos por seres humanos, aparentemente sem qualquer adição biónica, soam como a máquina mais poderosa do rock 2.0. Têm a aparência e o som sujo de uma banda de garage, mas encostam-se ao math rock com frequência, sem qualquer tipo de pedantismo virtuoso. Ao noise vão quando querem abrir uma via para o caos, mas sempre de forma organizada e sem perder a musicalidade, conseguindo encaixar o ruído numa estrutura musical tudo menos dispersa. Os black midi são quatro rapazes com ar juvenil e bem comportado, mas em palco fazem música com o charme de quem pode exibir alguns cabelos brancos sem que isso seja sinónimo de velhice.

André Borges Vieira, jornal Público

dance with other dj sessions

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s