#2074

O ser humano não pode ser um escravo do trabalho. Há muitas outras dimensões da vida a que é preciso atender e às quais é preciso dar oportunidades.

[…]

Precisa de ócio, de expressões lúdicas e culturais para que o próprio trabalho possa ter sentido criador e não ser apenas uma resignação alienante.

Frei Bento Domingues, jornal Público

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s